Zagueiro Michel prevê jogo difícil contra a Colômbia

Créditos: Joilson Marconne / CBF

Compartilhe:

No Palmeiras desde 2019, o zagueiro Michel, 20 anos, foi um dos destaques da estreia vitoriosa da Seleção Brasileira no Pré-Olímpico: 1 a 0 sobre a Bolívia na terça (23). Dono de uma impulsão incomum e preciso nas antecipações, ele fez uma dupla perfeita com Arthur Chaves, anulando o ataque da seleção boliviana.

Para o próximo jogo do Brasil, contra a Colômbia, nessa sexta (26), em Caracas, Michel prevê dificuldades e cita o vigor físico dos adversários como um fator de atenção. Também reforça que os colombianos vão jogar praticamente uma decisão, pois perderam na estreia para o Equador por 3 a 0.

“Todo cuidado é pouco. Não tem jogo fácil. O time da Colômbia é forte e vai querer complicar. Mas, estamos preparados. Na zaga, a gente se conhece, eu e Arthur, e procura entender um ao outro para melhorar o posicionamento em campo, evitando assim tomar gols”, declarou.

Natural de Avaré, uma das estâncias turísticas do Estado de São Paulo, Michel é um colecionador de títulos pelas categorias de base do Palmeiras – conquistou oito ao todo. Além disso, venceu ano passado os Jogos Pan-Americanos de Santiago, defendendo uma equipe também comandada por Ramon Menezes.

No Pan, atuou ao lado de Arthur, o que explica o bom entrosamento da dupla. Já uma realidade para os palmeirenses, Michel tem jogado várias vezes na equipe principal do clube desde 2021. Recentemente, a diretoria do Palmeiras renovou seu contrato – o vínculo vai até o final de 2026.

CBF