PF atua contra estrutura criminosa para o contrabando em Mato Grosso do Sul

Compartilhe:

A Polícia Federal deflagrou, na manhã desta sexta-feira, 12/4, a segunda fase da Operação Capa Preta, com vistas a asfixiar financeiramente grupo criminoso de contrabandistas.

De acordo com a investigação, alguns dos envolvidos transportam, semanalmente, vultosa quantidade de cigarros de origem estrangeira.

Nesta fase, foi deferido pela 1ª Vara da Justiça Federal de Três Lagoas, o sequestro e bloqueio de bens (contas bancárias e imóveis) em valor que supera R$ 550 mil, e mandados de busca e apreensão em dois endereços no município de Três Lagoas, no qual se apreendeu um veículo, documentos, cigarros, celulares e mídias de armazenamento de dados.

Um homem foi preso em flagrante por crime de contrabando.

Comunicação Social da Superintendência Regional de Polícia Federal em Mato Grosso do Sul