Motorista tem carro e celular roubados por três bandidos durante corrida em Campo Grande

Ilustrativa

Compartilhe:

Um motorista, que tem deficiência física na perna, foi vítima de roubo e sequestro na madrugada (30), em Campo Grande. Ele  estava fazendo uma corrida para três homens, quando um deles usou uma para anunciar o roubo.

A vítima disse que é motorista, mas que não trabalha para nenhum aplicativo. De acordo com o B.O. (Boletim de Ocorrência), registrado na tarde deste domingo (30), o motorista parou em uma conveniência, no bairro Nova Lima, região norte da capital, para comprar um refrigerante. Neste momento, ele foi interrogado se poderia fazer uma ‘corrida’ para os três suspeitos. Com valor de R$ 80,00, o condutor aceitou levar o trio até à região Imbirussu.

Mas durante o trajeto, a vítima relatou que perto de um Shopping, na avenida Norte Sul, um dos autores pôs uma faca no pescoço dela e anunciou o roubo. Os ladrões ainda exigiram que o motorista entregasse o celular, um Sansung Galaxy 13, e também deram ordens para que ele entregasse a chave do carro.

Os marginais fugiram levando um veiculo Ford/ Fiesta, ano 2004. Na delegacia, o condutor falou que, por ser deficiente físico, não teve muito o que fazer. Ele apenas pegou sua muleta, desceu do carro e depois pediu ajuda. Ainda consta no B.O que a vítima acredita que as câmeras da conveniência, onde o condutor parou para comprar o refrigerante e foi abordado pelos criminosos, pode ter registrado a imagem dos bandidos.

Entre as características repassadas pela vítima, para ajudar na recuperação do veículo, ele lembra que o Ford/Fiesta tem o capô danificado, a maçaneta da porta do passageiro quebrada e um adesivo azul com a frase: “Tô nem aí”. Quem tiver informações, pode avisar a polícia no 190.

Midiamax