Membro fundador do grupo Hamas é morto em ataque na capital do Líbano

Compartilhe:

O Hamas anunciou que uma das vítimas de um ataque no sul de Beirute, no Líbano, na noite desta terça-feira (2), horário local, foi um alto membro do grupo radical islâmico, Saleh Al Arouri.

O meio de comunicação do Hamas, Al Aqsa TV, disse que o “Vice-Chefe do Bureau Político do Hamas, o líder mártir Saleh Al Arouri, foi martirizado num traiçoeiro ataque aéreo sionista em Beirute”.

Al Arouri foi considerado um dos membros fundadores da ala militar do grupo, as Brigadas Izz ad-Din al-Qassam, e estava baseado em Beirute.

O exército israelense demoliu a casa de Al Arouri na cidade ocupada de Aroura, na Cisjordânia, em outubro.

As Forças de Defesa de Israel (FDI) afirmaram que as forças “operaram na cidade” durante a noite para “demolir a residência de Saleh al-Arouri, vice-chefe do gabinete político da organização terrorista Hamas e encarregado das atividades do Hamas em Israel, Judeia e Samaria.”

O ex-enviado israelense às Nações Unidas, Danny Danon, parabenizou as agências de segurança e inteligência israelenses pelo assassinato de uma importante figura do Hamas.

“Parabenizo as FDI, o Shin Bet, o Mossad e as forças de segurança por matarem Salah al-Aaruri, alto funcionário do Hamas [sp] em Beirute”, disse Danon no X (antigo Twitter).

“Qualquer pessoa envolvida no massacre de 7 de outubro deve saber que entraremos em contato com eles e fecharemos uma conta com eles”, acrescentou Danon.

CNN