Levantamento aponta que etanol ainda lidera maior variação entre combustíveis

Compartilhe:

Levantamento do Procon/MS (Secretaria Executiva de Orientação e Defesa do Consumidor) aponta que o etanol ainda apresenta a maior variação entre nove combustíveis monitorados em Campo Grande.

Servidores da instituição, vinculada à Sead (Secretaria de Estado de Assistência Social e dos Direitos Humanos), visitaram 16 postos de abastecimento entre os dias 13 e 14 de maio. Os valores registrados podem ter sofrido atualização.

O litro do etanol comum apresentou diferença de 18,55%, quando pago no cartão de crédito. Nas bombas de um posto na Vila Nossa Senhora de Lourdes o produto é comercializado por R$ 3,45, enquanto no Jardim Vera Cruz ele sai por R$ 4,09. Já no pagamento à vista ou no dinheiro as mesmas empresas aplicam valores entre R$ 3,45 e R$ 3,89, o que representa uma variação de 12,75%.

No caso do litro da gasolina, a versão aditivada tem variação de até 12,96%, com pagamento no crédito. Posto na Vila Ipiranga comercializa o produto por R$ 5,48, enquanto no Giocondo Orsi o valor na bomba pode ser de R$ 6,19.

Para o litro da gasolina comum, paga à vista ou no dinheiro, a diferença de preços chega a 6,36%. Os valores oscilam de R$ 5,35 na Vila Aurora a R$ 5,69 na Coophavila II e Aero Rancho.

Em relação ao GNV (Gás Natural Veicular), independente da modalidade de pagamento, o metro cúbico tende a oscilar 12,22%, com preços entre R$ 4,09 na Vila Nossa Senhora de Lourdes a R$ 4,59 em posto na Coophavilla II.

Comparativo

Ao se comparar os levantamentos realizados entre os meses de abril e maio, observou-se aumento para abastecimentos com pagamento à vista ou com dinheiro no litro do etanol aditivado (22,28%), etanol comum (4,08%), do metro cúbico de GNV (1,38%) e do litro da gasolina comum (0,55%).

pesquisa completa e o comparativo mensal estão disponíveis no site do Procon/MS.

Kleber Clajus, Comunicação Procon/MS