Empresário brasileiro desaparecido na Suíça é encontrado, diz família

Márcio Rodrigues trabalha no ramo de produtos terapêuticos - (crédito: Acervo pessoal)

Compartilhe:

Márcio Rodrigues da Silva, o brasileiro desaparecido na Suíça, foi encontrado nesta terça-feira (21/11), afirmou a família do homem. Empresário, Márcio estava desaparecido desde o dia 8 de novembro. Ele foi ao país europeu para realizar uma viagem de negócios.

Ana Lucia Rodrigues, esposa do brasileiro, diz que seu marido “está bem, na medida do possível”. Ela, segundo informações do portal UOL, contou que, antes de desaparecer, Márcio enviou uma mensagem em tom de preocupação e afirmou que possivelmente caiu em uma “cilada”.

Entenda o caso

“Ora por mim, porque eu acho que caí numa cilada. Meu Deus, daqui a uma meia hora eu vou saber o que vai acontecer comigo. Eles disseram que em 15 minutos, meia hora, me trazem o passaporte. Só que eu estou esperando aqui há quase quatro horas. Encontrei com eles, eles tiraram foto do meu rosto, trouxeram uma máquina para fazer as minhas digitais e levaram meu passaporte para fazer um scanner”, disse Márcio, em áudio enviado à esposa, antes de desaparecer.

Márcio é natural de Itupeva, no interior de São Paulo. O empresário trabalhava no ramo de produtos terapêuticos. Ele foi à Suíça para assinar contratos de um novo investimento que ele havia feito pela internet. Márcio tinha planos de ficar dois dias no país. De lá, o marido de Ana Rodrigues iria à Espanha, onde daria treinamentos.

Por não saber falar em alemão, Márcio contratou tradutores para acompanhá-lo durante sua estadia na Suíça. Os familiares, ainda de acordo com o UOL, não sabem se ele encontrou com o esses profissionais. O empresário levou duas malas, extraviadas na viagem, e que ainda não foram encontradas.

A polícia de Zurique, na Suíça, investiga o caso do desaparecimento do brasileiro. Um boletim de ocorrência de pessoa desaparecida foi registrado na Polícia Civil de São Paulo, e o Itamaraty foi acionado. Em nota, a assessoria de comunicação do Ministério das Relações Exteriores afirmou que a pasta acompanha a situação do brasileiro encontrado na Suíça e que detalhes sobre a situação do empresário são sigilosos. 

Correio Braziliense