Dourados tem novo coordenador Geral de Direitos Humanos e Cidadania

Divulgação

Compartilhe:

A Prefeitura de Dourados nomeou o servidor Diego Araújo Oliveira, no cargo de provimento em comissão de Coordenador Geral dos Direitos Humanos e Cidadania. Natural de Dourados e pastor na Comunidade Tempo de Vida, Diego Araújo Oliveira é casado com Gisele Araújo, cursou direito, é empreendedor e líder social.

Liderou trabalhos com a juventude douradense por 12 anos, onde atuou no enfrentamento às drogas e na conscientização da formação de família para o crescimento deles. Ainda lidera um projeto social que completou quatro anos, com início na pandemia.

Por dois anos serviu as aldeias de Dourados com 200 refeições diárias para crianças indígenas (2020/2021). Atualmente o seu projeto atende em média 300 pessoas por dia, com refeições gratuitas. Nesses quatro anos o projeto ultrapassou a marca de 300 mil refeições entregues, atendendo mulheres, mães solos, moradores de rua e pessoas que se encontram em algum tipo de vulnerabilidade social.

Atuou na recepção de 200 imigrantes venezuelanos em Dourados, ajudando no encaminhamento para o mercado de trabalho e a conseguir um lugar para morar.

“Encaro como uma grande missão de vida poder continuar o trabalho que tenho feito a anos agora na esfera pública municipal. Com muita responsabilidade iremos formular, articular e coordenar a Política Municipal de Direitos Humanos e Cidadania, de forma transversal, participativa e com respeito a diversidade de áreas abrangentes, por meio da promoção e defesa de direitos, em benefício da população, com atenção especial às pessoas em situação de vulnerabilidade, visando a uma sociedade justa, igualitária, inclusiva e solidária. Estou muito feliz e faço das palavras de Martin Luther king, as minhas: A injustiça em qualquer lugar é uma ameaça à justiça em todo lugar”, afirma Diego.

Entre os órgãos atendidos pela Coordenadoria Geral de Direitos Humanos e Cidadania estão as coordenadoria especiais de Assuntos Indígenas; Políticas Públicas para Mulheres; Políticas Públicas para Juventude; Promoção da Igualdade Racial; Imigrantes; Políticas para a Diversidade Sexual; Políticas de Proteção aos Direitos Animais e a de Políticas sobre Drogas.