Dourados tem mais de 40 mil pessoas vacinadas contra dengue

Compartilhe:

A campanha de vacinação em massa contra a dengue em Dourados atingiu, na última terça-feira (19), a marca de 40 mil pessoas com a primeira dose. Segundo levantamento diário divulgado pelo Núcleo de Imunização da Sems (Secretaria Municipal de Saúde), são exatos 40.461 douradenses que iniciaram a imunização contra a doença.

A marca atingida é apontada pelo secretário de Saúde, Waldno Lucena Júnior, como “uma grande vitória” da população douradense. “Se considerarmos a população total do município, temos hoje, em cada seis, uma pessoa no caminho de proteção contra a dengue pelos próximos cinco anos. Se considerarmos a população alvo, essa proporção sobe para quase duas pessoas imunizadas em seis”, explica.

Segundo a estimativa da Prefeitura de Dourados, aproximadamente 150 mil pessoas, entre 4 e 59 anos, que é a faixa etária permitida pela Anvisa, estariam aptos a buscar a imunização. “Claro que no grupo dessa faixa etária, temos mulheres grávidas, amamentando ou que estejam planejando gravidez imediata, imunossuprimidos ou que estejam fazendo tratamento para doenças que atacam o sistema imunológico, para quem a vacinação não é indicada”.

Mesmo assim, Waldno acredita que o ritmo da vacinação deve aumentar. “Nós somos o primeiro município do país a vacinar em massa. Eu acredito que as pessoas, por ser uma vacina nova, ainda estão com um certo receio, talvez uma herança da discussão sobre a vacina da covid-19. A vacina Qdenga se mostrou bastante segura em relação aos efeitos adversos que são bastante raros. Assim, muita gente que está vendo pessoas da família, vizinhos, companheiros de trabalho vacinados, pode seguir o exemplo”, completa Waldno.

O ciclo vacinal contra a dengue se completa com duas doses, a segunda aproximadamente três meses após a dose inicial. Segundo estudos do laboratório japonês Takeda Pharma e da Anvisa, a proteção é de cinco anos após a segunda dose, com eficácia de aproximadamente 85%.

Dengue

A Secretaria Municipal de Saúde reforça que este é o momento de intensificar a prevenção, o cuidado e agir conjuntamente com ações da Prefeitura de Dourados para a eliminação dos focos do mosquito transmissor da dengue.

As ações coletivas e os cuidados individuais como a limpeza das vasilhas de água dos animais e vasos de plantas evitando o acúmulo de água, o armazenamento de pneus e garrafas em locais cobertos, limpeza das caixas d’água são as melhores de forma de prevenção. Cerca de 75% dos focos do mosquito estão dentro de casa.