Dourados é a primeira cidade do Brasil a fazer vacinação em massa contra a dengue

Divulgação

Compartilhe:

O município de Dourados será o primeiro do Brasil a receber vacinação em massa contra a dengue. O anúncio foi feito pelo prefeito Alan Guedes nesta sexta-feira (15) em entrevista coletiva com detalhes da ação que começa no dia 3 de janeiro. O secretário municipal de Saúde, Waldno Lucena, o adjunto Raphael Mattos, o gerente do Núcleo de Imunização, Edvan Marcelo Marques e Devanildo de Souza Santos, coordenador do Núcleo de Vigilância Epidemiológica.

De acordo com Alan Guedes, parceria com o laboratório japonês Takeda, garantiu doses suficientes para imunizar 150 mil douradenses entre 4 e 59 anos e 11 meses. “A vacina Qdenga já está aprovada pela Anvisa e na rede privada há alguns meses. O laboratório entendeu que Dourados oferece as condições necessárias para essa ação em massa, como pudemos ver no trabalho realizado durante a vacinação contra a covid-19 que agora esperamos repetir com sucesso nessa que é a maior intervenção em saúde coletiva do município”, afirma”.

Waldo Lucena explicou que o plano de imunizar boa parcela dos douradenses partiu da Sems (Secretaria Municipal de Saúde). “Eu costumo dizer que nós não fomos escolhidos, fomos aceitos dada as condições que oferecemos. Encaminhei o pedido no dia 31 de agosto e, para minha surpresa, 16 dias depois veio a resposta que eles aceitariam. Nós temos a expertise adquirida durante a pandemia da covid-19 de vacinar uma população inteira, além de termos algumas características, como número de casos de dengue considerável e de população específica”.