Ações da Polícia Militar de Trânsito reduzem em 29% acidentes com morte

Divulgação

Compartilhe:

 O BPMTran (Batalhão de Polícia Militar de Trânsito) destaca a redução de mortes por sinistros de trânsito na Capital, em comparação ao ano de 2022. Esse resultado foi alcançado devido ao trabalho otimizado de realização de bloqueios, presença policial nos principais cruzamentos, policiamento em localidades com maior índice de acidentes e intensificação de operações realizadas.

As ações realizadas tiveram como objetivo diminuir o número de acidentes e principalmente reduzir o número de mortes no trânsito ocasionando maior segurança viária em Campo Grande. Foram identificados os locais de maior incidência de acidentes de trânsito e os horários, de modo que, as operações pudessem ser desempenhadas nesses pontos críticos da cidade.

O ano de 2023 mostrou a efetividade do trabalho de fiscalização realizado pelo BPMTran, pois em comparação com o ano de 2022, obteve números positivos aumentando significativamente, em 244% o número de operações realizadas nas vias urbanas da Capital, passando de 88 para 303, 176% nos AIT (Autos de Infrações de Trânsito), passando de 7.224 para 19.956, devido a informatização, 71% em remoção de veículos ao pátio do DETRAN e cerca de 420% de aumento nos mandados de prisão cumpridos. Em relação ao ano anterior, foram cumpridos 05 e esse ano esse número aumentou para 26, tirando de circulação indivíduos com algum potencial ofensivo.  

Os dados revelam que no período de janeiro a novembro desse ano, comparando com 2022, houve a redução de 29% de óbitos no trânsito em Campo Grande, trazendo, por meio do trabalho elaborado pelo BPMTran, tranquilidade e paz aos usuários que utilizam as vias urbanas de Campo Grande.