Entre em contato conosco: Contato@folhadoms.com.br

Em junho, gasolina aditivada têm variação de até 14,84% em Campo Grande

Foto: Kleber Clajus

Compartilhe:

Consumidores podem encontrar diferença de até 14,84% no litro da gasolina aditivada em Campo Grande. A informação faz parte de pesquisa do Procon/MS (Secretaria Executiva de Orientação e Defesa do Consumidor), instituição vinculada à Sead (Secretaria de Estado de Assistência Social e dos Direitos Humanos), sobre combustíveis em junho.

Quinze postos de abastecimento foram visitados entre os dias 20, 21 e 24 de junho. Neles o litro da gasolina aditivada na modalidade crédito tinha valores de R$ 5,39 a R$ 6,19 (14,84%), enquanto para pagamento em dinheiro ou no débito oscilavam de R$ 5,39 a R$ 6,09 (12,99%).

A menor variação verificada pela pesquisa ocorre no litro do diesel S10 aditivado, 1,5%. Esse combustível pode ser encontrado com preços entre R$ 5,99 a R$ 6,08 na Capital.

Para a gasolina comum houve aplicação de preços de R$ 5,34 a R$ 5,79 (8,43%), nas aquisições à vista ou no dinheiro. No crédito essa diferença foi similar a modalidade à vista da aditivada.

No etanol comum, a depender da forma de pagamento, o consumidor encontra valores entre R$ 3,39 e R$ 3,89. Já o GNV (Gás Natural Veicular), seja à vista ou no crédito, tem aplicado ao metro cúbico preços que oscilam de R$ 4,09 a R$ 4,59.

Comparativo

No comparativo entre os meses de maio e junho, a pesquisa apontou que nos pagamentos à vista ou no débito houve uma redução de 2,69% no valor pago por litro de etanol aditivado, de 0,54% aplicado a gasolina comum e 0,34% no diesel S10 comum no crédito. O metro cúbico do GNV, por sua vez, não apresentou variação em relação ao mês anterior.

pesquisa completa e o comparativo mensal estão disponíveis no site do Procon/MS.

Kleber Clajus, Comunicação Procon/MS