Dourados-MS,

PMA autua em R$ 450 mil arrendatário de Chapadão do Sul que provocou incêndio

Policia
Fonte
  • Extra-Pequena Pequena Media Grande Extra-Grande
  • Padrão Helvetica Segoe Georgia Times

Um arrendatário de 59 anos, do município de Chapadão do Sul, foi multado em R$ 450 mil pela Polícia Militar Ambiental, por provocar incêndio para limpeza da palhada grossa de lavoura que estava em leiras.

Conforme a PMA, o incêndio teve início na noite de domingo (11) e ganhou grandes proporções. A Polícia Militar Ambiental de Costa Rica foi acionada, acompanhou o trabalho dos Bombeiros Militares e terminou na terça-feira (13) os levantamentos da área afetada, que totalizou 450 hectares destruídas.

Questionado sobre o incêndio, o arrendatário apresentou uma licença ambiental para queimada controlada sem valor legal, uma vez que a Portaria do Imasul nº 797, de 24 de junho de 2020, suspendeu todas as autorizações para a queima controlada pelo prazo de 180 dias. Além, disso um Decreto Federal também proibiu a queima controlada até novembro. Segundo a PMA, o arrendatário tinha conhecimento da proibição.

As atividades da propriedade foram interditadas e o infrator autuado administrativamente e multado em R$ 450 mil.