Dourados-MS,
 Camara municipal-principal

Após briga com a esposa, um homem de 40 anos foi esfaqueado na perna direita na tarde de quinta-feira (31) na vila Fátima em Rio Brilhante.

A mulher de 43 anos foi presa a aproximadamente 800 metros do local do crime, tentando fugir para as margens da BR 163.

De acordo com o site Rio Brilhante em Tempo Real, a vítima foi atingida na perna direita e perdeu bastante sangue. A Polícia Militar esteve no local e o levou uma ambulância até o hospital da cidade.

 

A mulher disse que ambos são usuários de drogas e hoje brigaram em razão do uso do entorpecente, por causa de 50 reais que a vítima teria gastado sem o consentimento da mulher.

Ela apresenta uma lesão em um dos dedos da mão. De acordo com ela ocasionado pelo companheiro. O homem estaria com a faca, mas ela conseguiu tirar a faca do marido e o golpeou, a legando legitima defesa.

O caso foi registrado como lesão corporal reciproca, e, após ser ouvida pela polícia a mulher de 43 anos foi liberada.

 

 

Midiamax

Foto - Divulgação

Uma suposta liderança do movimento dos caminhoneiros na região de Ponta Porã foi preso na quarta-feira (30), pela equipe de plantão da Polícia Rodoviária Federal (PRF/MS), depois de ameaçar e quebrar o para-brisa do caminhão de um condutor que decidiu sair da manifestação, na BR-463, km 106. 

Inicialmente, os agentes receberam informação de que o motorista foi impedido de sair do local, mas, com ajuda da PRF conseguiu seguir viagem com destino a Ponta Porã. 

Alguns minutos depois, Vanderlei de Almeida, 46 anos, conduzindo uma motocicleta seguiu novamente o caminhoneiro e quebrou o para brisa do veículo, nas proximidades do trevo da Universidade Estadual de MS (UEMS).

Após o segundo contato, a equipe foi até o local e efetuou a prisão do 'lider' do movimento, encaminhando para a 2ª Delegacia de Polícia de Ponta Porã. 

 

Correio do Estado

O Corpo de Bombeiros apagou as chamas e realizou o procedimento de resfriamento do local - Foto: Maikon Leal/Coxim Agora

Veículo Gol, com placas aparentes de Dourados, foi encontrado em chamas pelo Corpo de Bombeiros, na noite de ontem (22), em estrada rural, próximo ao Bairro Previsul, em Coxim. Não havia ninguém dentro do carro. 

Segundo boletim de ocorrência, por volta das 23h, a Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros foram acionados no endereço. Os militares apagaram o fogo e fizeram o procedimento de resfriamento do veículo.

Os bombeiros entregaram a placa aos policiais que acabaram descobrindo que o carro carro tinha sido furtado em São Gabriel do Oeste no mês passado.

A perícia foi acionada no local e o caso será investigado.

 

 

Correio do Estado

Proprietário da carne terá que explicar origem do produto e autorização oficial - Foto: Capitan Bado

O condutor de uma caminhonete da marca Chevrolet Silverado, com placa do Paraguai, AFK-339, foi flagrado nesta terça-feira (22) por policiais militares do município de Antonio João, município localizado a 50 quilômetros de Pedro Juan Caballero, transportando um total de 1.200 quilos de carne de origem duvidosa e sem documentação.

Segundo informação da PM, os detidos foram identificados como Pedro Paulo Alvarenga Cabañas (condutor) e Fabio Gustavo Díaz Ferreira (carona), ambos cidadãos paraguaios.

O achado aconteceu durante abordagem de fiscalização e descobriram a carne armazenada na correceria e coberta por uma lona.

Aos agentes, os homens disseram que foram contratados pelo fazendeiro, Antônio Barboza para levar a carne até Ponta Porã, para ser comercializada nos açougues da fronteira.

Depois de algumas horas, o produtor rural compareceu ao quartel e confirmou que era dono da carne apreendida. 

Barboza explicou que os animais foram abatidos durante sua estada em Pedro Juan Caballero e que contratou os dois trabalhadores para transportar o produto até a fronteira, e posteriormente ser comercializada em Ponta Porã e Pedro Juan Caballero. 

Apesar da argumentação, a secretaria de Vigilância em Saúde, de Antônio João solicitou a apreensão da carne e vai indiciar o produtor rural, que deverá esclarecer a origem do produto, uma vez que há relatos frequentes de roubo de gado na região.

 

 

Correio do Estado

 

Dupla foi presa em flagrante por furto e receptação de bovinos (abigeato) - Foto: PMA Divulgação

Denúncia de crime de abigeato (furto de animais) foi atendida pela equipe de Policiais Militares ambientais (PMA), do grupamento de Bonito, na tarde de sábado (26), em uma propriedade rural localizada no município de Anastácio. 

Segundo a ocorrência, dois homens foram presos pelo furto e ao chegar no local, os policiais, estavam carneando uma vaca que seria transportada em um veículo Toyota Hilux. 

 O gerente da propriedade, um homem de 50 anos foi responsabilizado pelo furto do animal e vendeu para outro cidadão, de 42 anos, residente no distrityo de Águas do Miranda.

Em razão do flagrante, a PMA deu voz de prisão e encaminhou a carne, veículo e infratore à delegacia de Polícia Civil em Anastácio. 

Os dois foram autuados por furto e receptação, crime que pode resultar em pena de um a quatro anos para cada procedimento irregular. 

 

 

Correio do Estado

Foto - Divulgação

Genival Rodrigues de Almeida, de 45 anos, foi executado por pistoleiros na noite de ontem, na frente do filho, no município de Sete Quedas, na fronteira com o Paraguai. Segundo a Polícia Civil, o crime ocorreu por volta das 18h30, na Rua Érico Veríssimo, momento em que a vítima chegava em casa.

Conforme relatado pelo filho à polícia, ele disse ter visto o pai chegando de carro e estacionado sobre a calçada como de costume. O homem desembarcou do veículo e quando estava entrando no imóvel, foi surpreendido por dois desconhecidos que se aproximaram em uma moto e começaram a atirar.

Genival foi atingido próximo ao queixo, braço e tórax. No local foram apreendidas sete cápsulas de munição calibre .40. O socorro chegou a ser acionado, mas o homem morreu antes mesmo que pudesse ser encaminhado ao hospital. Ainda não há informações sobre a identificação dos autores. O caso é investigado.

 

 

Correio do Estado

Motorista receberia R$ 5mil pelo transporte do entorpecente e dinheiro falso - Foto: PRF/MS Divulgação

Uma equipe da Polícia Rodoviária Federal (PRF) abordou nesta segunda-feira (21), por volta das 10h, na rodovia BR-267, km 18, em Bataguassu, um veículo Fiat Uno, conduzido por um homem de 35 anos.

Os policiais solicitaram o documento de habilitação, o qual verificaram que era falsa e após revista realizada no interior do carro foram encontrados alguns tabletes de maconha, totalizando 48 quilos. 

No entanto, o que chamou atenção foram maços de cédulas de dinheiro, aparentemente notas falsas, totalizando R$ 44 mil reais. 

Durante depoimento, o condutor declarou que pegou o veículo já carregado com a droga e o dinheiro em Ponta Porã e que tinha objetivo de levá-los até a cidade Goiânia (GO). Pelo serviço, o motorista receberia R$ 5 mil. 

 

 

Correio do Estado

Mais Artigos...