Dourados-MS,
Audiencia_Câmara1

Policiais do Departamento de Operações de Fronteira (DOF) apreenderam, na manhã de segunda-feira, dois veículos em uma ocorrência de Contrabando de dois mil pacotes de cigarros do Paraguai.

A apreensão ocorreu durante um bloqueio policial para fiscalização na região de Ivinhema. O primeiro veículo abordado foi um VW Saveiro branco com placas de Itaquiraí. O segundo veículo abordado, um GM Vectra preto que estava com os dois mil pacotes de cigarros contrabandeados.

O condutor do Saveiro disse ser o batedor de estrada e passava informações, ao condutor do Vectra, através de rádio comunicador. Disseram que foram contratados para entregar o cigarro em Três Lagoas.

Durante a checagem dos agregados dos veículos (numeração de chassi e motor), os policiais descobriram que a numeração de identificação do motor do Vectra pertencia a outro veículo.

A ocorrência foi registrada e entregue na Delegacia da Polícia Federal de Dourados.

A Polícia Militar descobriu que estelionatários estariam utilizando um falso comunicado da Caixa Econômica Federal para aplicar golpes em Dourados.

Os criminosos enganam as vítimas sobre a necessidade de mudança de senha e sem que elas percebam, trocam o cartão e tomam dinheiro ou fazem compras em nome dos usuários. 

Os criminosos abordam as vítimas após elas realizarem as transações no caixa de autoatendimento. Eles mentem dizendo que o aparelho emitiu o extrato que informa:

“Prezado cliente, evite o cancelamento do seu cartão. Observação: Altere sua senha e letras agora neste terminal”. 

Assim eles se oferecem para auxiliar as vítimas, escolhidas estrategicamente para anular qualquer suspeita de golpe. Os crimes inclusive costumam acontecer nos finais de semana ou períodos noturnos, quando há pouca movimentação nas agências.

No sábado (27) à tarde mesmo, uma idosa de 65 foi enganada por suposto estelionatário. Na tentativa de auxiliar a vítima, o criminoso trocou o cartão da mulher e posteriormente tentou transferir o dinheiro dela para a conta de um indígena, também vítima do autor. 

O QUE DIZ A CAIXA

Dourados News entrou em contato com a superintendência da Caixa em Mato Grosso do Sul, com sede em Campo Grande, e foi informado de que a estatal tem buscado monitorar a ação de quadrilhas e auxiliar a atuação dos órgãos de segurança. 

Ainda garantiu que empresa financeira desenvolve estratégias de orientação aos cliente como forma de prevenção ao crime de estelionato. 

Veja o posicionamento na íntegra.
 
"A CAIXA informa que a área de segurança do banco realiza o monitoramento e mapeamento da atuação de quadrilhas especializadas, em colaboração com os órgãos de Segurança Pública competentes.

A CAIXA disponibiliza orientações de segurança em seu portal da internet e em suas agências com o objetivo de alertar seus clientes quanto a golpes, seja por e-mails spam, sites falsos, por telefone ou presenciais.

Nesses casos, a CAIXA orienta a entrar em contato com sua agência de relacionamento, Centrais de Atendimento Caixa ou para a Ouvidoria (0800 725 7474), informando o maior número possível de dados, para que as devidas providências sejam tomadas. Após análise das contestações e confirmado esse tipo de golpe, é efetuado o ressarcimento aos clientes."

Dois homens moradores em Brasília foram presos na tarde de sáabado (27), na Caixa Econômica Federal, da avenida Joaquim Teixeira Alves, em Dourados, após aplicarem golpe a indígena e idosa no centro da cidade. Eles foram denunciados por um homem na qual tentaram aplicar o golpe, mas ele suspeitou e acionou a Polícia.

De acordo com o boletim de ocorrência, os acusados e suspeitos de participarem de uma rede de estelionatáios, abordaram uma mulher de 65 anos se apresentando como funcionários do banco. Eles teriam auxiliado ela na troca da senha do cartão, mas sem que a vítima percebesse, substituíram o cartão dela por um de outra pessoa.

Em seguida, tentou abordar um outro homem, que suspeitou da conversa e deixou a agência em busca da polícia. O homem encontrou agentes da Guarda Municipal que se deslocaram até a Agencia, onde flagraram o acusado conversando com um indígena.

A vítima contou que o homem ofereceu R$ 150 para que ele cedesse a conta para uma transferência de R$ 1600,00, sendo que R$1200,00 seriam da conta da mulher.

Diante do fato, ele foi encaminhado junto com o indígena até a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) de Dourados. Além do homem que estava dentro da agência, outro rapaz e a esposa do acusado que estavam esperando ele no carro foram levados a delegacia.

Com eles foram encontradas máquinas de cartão de crédito, cartões, cheques e tênis de alto valor que podem ter sido comprados em nome de outras pessoas. Eles foram autuados em flagrante por furto e estão sendo investigados por estelionato.

No início da tarde de domingo (21/7), uma equipe da Guarda Municipal de Dourados localizou abandonado em uma mata, 17 tabletes de maconha.

A ação ocorreu após denúncias informando sobre um material suspeito que estaria abandonado na região da Vila Adelina.

Os guardas foram até o local e encontraram um saco plástico com 17 tabletes de maconha, pesando 11,5kg. As equipes realizaram rondas no local na tentativa de localizar o proprietário, porém sem sucesso.

Desta forma a droga foi apreendida e encaminhada à delegacia de Polícia Civil para maiores procedimentos.

Dois jovens foram presos pela Guarda Municipal após serem flagrados fumando maconha em um campo de futebol ao lado da uma escola.

O flagrante de uso de entorpecentes ocorreu na segunda-feira (29), por volta das 16h, em um campo de Futebol ao lado de um Colégio no Bairro Terra Roxa.

Um jovem de 20 anos, que é monitorado por tornozeleira eletrônica e um adolescente de 17 anos, foram flagrados por motociclistas da ROMO - GMD que realizavam rondas preventivas no local usando o entorpecente.

Os jovens tentaram dispensar o entorpecente mas sem sucesso. Durante a conversa com a equipe os dois, confesaram que se reuniram no local para fazer uso da maconha.

Os autores foram presos e encaminhados a Delegacia de Polícia Civil para os procedimentos legais.

Mais um acidente terminou em morte na rua Coronel Ponciano, em Dourados. Na madrugada desta sexta-feira (26/7), Gleverson Iglei de Matos Araújo acabou perdendo o controle de direção da moto em que pilotava, causando o acidente fatal. 

Conforme apurado pelo Dourados News, a vítima trafegava pela via nas proximidades do CAM (Centro Administrativo Municipal) acompanhado de uma mulher, quando, ao passar por uma rotatória, bateu na guia de meio fio. 

Com a velocidade, Gleverson foi arremessado contra um poste, morrendo no local do acidente. 

A passageira que o acompanhava recebeu atendimento de socorristas e precisou ser encaminhada ao hospital, enquanto o corpo do rapaz, acabou conduzido ao Imol (Instituto de Medicina e Odontologia Legal) de Dourados.

Roberto Gonçalves Braga, 34, morreu após bater em um VW Gol na avenida Marcelino Pires, região da Cabeceira Alegre em Dourados. Ele seguia em uma Honda Biz preta com placa NRM-1439 de Dourados, quando colidiu na traseira do veículo que estava parado atrás de uma sequência de carros.

Segundo informações apuradas pelo Dourados News, por volta das 19h30 os carros formavam uma fila na pista às margens do canteiro central, quando Roberto não conseguiu parar e acabou batendo na traseira do Gol.

Ele caiu sobre o canteiro e foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros Militar ao Hospital da Vida, mas acabou não resistindo aos ferimentos e morreu.

O caso foi registrado na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) de Dourados.

(Vinícius Araújo)

Foto: Osvaldo Duarte

Mais Artigos...