Dourados-MS,
CMD-2

Ex-secretário de Fazenda João Fava Neto é preso na Capital

Dourados
Fonte
  • Extra-Pequena Pequena Media Grande Extra-Grande
  • Padrão Helvetica Segoe Georgia Times

O ex-secretário de Fazenda de Dourados, João Fava Neto foi preso na terça (22), em Campo Grande. Ele estava foragido da Justiça, desde o último dia 18, quando o TJ/MS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul) que determinou, que ele voltasse para a prisão. Ele é acusado de comandar uma organização criminosa responsável pelo desvio de R$ 23 milhões do município.

Com a regogação da liminar concedida na véspera do Natal, foi restabelecida a prisão preventiva” do ex-secretário. Assim o TJ expediu mandado da ordem de prisão, que deveria ter sido cumprido na semana passada, mas a Polícia Civil não encontrou João Fava Neto em Dourados e nem em Campo Grande. Desde então ele era considerado foragido da justiça.

Após ser preso João Fava Neto foi encaminhado ainda na noite de terça-feira, para a 3ª Delegacia de Polícia da Capital, localizada no Bairro Carandá Bosque. 

Fava é apontado pelo Ministério Público de Mato Grosso do Sul como o mentor do esquema de fraude em licitações para contratar empresas terceirizadas em troca de propina. Ele é sogro do deputado estadual eleito Neno Razuk (PTB) e da mais alta confiança da família da atual prefeita de Dourados.

OPERAÇÃO PREGÃO

As investigações tiveram por objetivo esclarecer a atuação de uma suposta organização criminosa composta por agentes públicos, políticos e empresários, visando a prática de diversos crimes incluindo fraude em licitação, dispensa indevida de licitação, falsificação de documentos, advocacia administrativa, além do crime contra a ordem financeira e da incidência na conduta descrita no artigo 5º,- IV, da Lei Anticorrupção, notadamente em razão de fraudes em licitações e contratos públicos, praticados, em tese, durante a atual gestão municipal.

 

Dourados News