All for Joomla The Word of Web Design
Dourados-MS,
Anuncie_aqui
Grid List

A Polícia Militar de Dourados, através do Grupo Especializado Tático de Motos (Getam), prendeu ontem (15) à noite um rapaz de 21 anos identificado como João V., e apreenderam o irmão dele de 15 anos. O fato se deu após a equipe encontrar o maior em posse de droga, que pertencia ao menor. 

Conforme registro da ocorrência, por volta das 21h a equipe fazia rondas pela Rua Rita Carolina de Almeida, quando perceberam João V. em atitude suspeita. Durante abordagem, foi localizado um saco plástico próximo a ele contendo três papelotes de pasta base, duas porções de cocaína, um cigarro de maconha, uma trouxinha de maconha pronta para o consumo e outra porção da droga para preparo. Ao todo o entorpecente contabilizou 25 gramas.

Questionado, o rapaz afirmou que o pacote com drogas pertencia ao irmão dele, o menor de 15 anos, que estava próximo do local. O garoto foi procurado pela PM e confessou que realmente ele era o proprietário. Disse que comprou a droga de um indígena que vende porções de entorpecente a R$ 10 na Praça Paraguaia, região do Jardim Independência. 

Ele foi apreendido, e mesmo confessando a posse, o irmão mais velho também acabou preso pelo crime de tráfico de drogas. O menor na Unei (Unidade Educacional de Internação) e o maior no 1° Distrito Policial de Dourados.

O comando do 3º Batalhão de Polícia Militar de Dourados divulgou na manhã dessa segunda-feira (7) os resultados das ações planejadas e desencadeadas durante o final de semana (04 a 07 de outubro) na região leste da cidade de Dourados.

Foram registrados 49 atendimentos sendo que desses, 36 foram de cunho preventivo e comunitário, com mais de 200 abordagens a pessoas e 90 vistorias a veículos, resultando na recuperação de dois veículos furtados na última semana em Dourados (2 motonetas Honda C-100 Biz), além do cumprimento de dois mandados de prisão.

Foram registrados ainda ocorrências de violência doméstica(4), acidentes de trânsito(3), direção perigosa(1) e furto(1), totalizando a prisão de 13 pessoas.

O atendimento emergencial 190 funcionou normalmente com atendimento de 210 ligações por dia.

Para o comandante do 3º BPM, Tenente Coronel PM Carlos Silva, os resultados das ações desempenhadas durante o final de semana foi satisfatória e atingiu as metas estabelecidas.

"Empenhamos nossa força operacional prioritariamente para o atendimento emergencial 190 e para o patrulhamento preventivo em nossa área de atribuição, com resultados satisfatórios principalmente no que tange a ação preventiva." Concluiu o comandante.

Três pessoas foram autuadas no início da noite de domingo (6/10) durante participação em uma festa regada a álcool e drogas em área de lazer na rua Corredor 18, no bairro Bonanza. 

No local, menores foram encontrados e relataram ter consumido bebida. Além do fato, pasta base de cocaína, maconha e armas também acabaram apreendidas em posse de participantes. 

De acordo com a ocorrência, por volta das 18h equipe da GMD (Guarda Municipal de Dourados) chegou ao imóvel após receber denúncia de perturbação de sossego. 

Lá, deteve uma mulher de 18 anos, responsável pelo evento e outras duas pessoas, por posse de arma de fogo e munições. Todos terminaram encaminhados à Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário). 

A organizadora responderá por fornecimento de bebida alcoólica a menores e teve fiança arbitrada em R$ 600. 

Já com Vinicius Mendes Moreira, 21, os guardas apreenderam um revólver calibre 38 com três munições. Ele recebeu voz de prisão e foi autuado em flagrante pela posse de arma, com fiança arbitrada de R$ 4.990.

Além do rapaz, Lara Beatriz Gomes Silvestre, 19, também possuía arma do mesmo calibre municiada. A ela, a polícia não arbitrou fiança, já que o objeto possuía sinais de adulteração. 

Ainda conforme a guarda, no local foram apreendidos além das armas, uma porção de pasta base de cocaína, dois cigarros de maconha, 14 litros de vodka, um de whisky, energéticos, cervejas e R$ 178 arrecadado no evento. 

Um motorista de aplicativo, de 44 anos, que estava desaparecido há 15 dias, foi encontrado morto, nesta quinta-feira, dia 19 de setembro, às margens da rodovia BR-262, na saída para Três Lagoas, em Campo Grande.

Segundo o site Campo Grande News, em seu último contato por chamada de vídeo com a esposa, no dia 04 de setembro, Ivonaldo Miguel Rosa estava aparentemente abatido, segundo a mulher. Ainda conforme o boletim de ocorrência sobre o desaparecimento ela teria pedido para que ele a fosse buscá-la no emprego, pois precisava ir ao médico, mas ele disse que não poderia.

A esposa do rapaz desligou o telefone e ao chegar em casa encontrou o veículo de Ivonaldo, seus documentos e o celular, mas desde então ela não era mais visto. À polícia a esposa do rapaz ainda relatou que o casal passava por dificuldades financeiras. Ele era técnico de informática, mas há dois anos trabalhava como motorista.

Segundo a mulher o marido também tinha surtos frequentes em que dizia que ia se matar. Contudo, nesta quinta-feira (19) ele foi encontrado à margem da rodovia e os indícios no corpo, indicam que a causa da morta tenha sido por asfixia.

O corpo foi reconhecido pela família no IML (Instituto Médico Legal) e a perícia ainda deve confirmar se a morte foi de fato decorrente de um suicídio.

Funcionários e clientes da farmácia Pag Menos, localizada na Avenida Calógeras, na região central de Campo Grande, foram rendidos por um bandido armado na noite de ontem (23). O assaltante deixou o local levando dinheiro e celulares.

Segundo informações do boletim de ocorrência, uma mulher de 50 anos procurou a polícia e relatou que, ao entrar na farmácia, por volta das 19h20, foi rendida por um assaltante que estava atrás do balcão.

O bandido anunciou o assalto, mandou que a vítima entregasse a bolsa e fosse para os fundos do prédio, onde estavam outros clientes e funcionários do estabelecimento.

Pouco tempo depois, o bandido fugiu do local levando celulares e dinheiro das vítimas. Não foi informado o valor que o suspeito levou da farmácia.

O caso foi registrado na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) da Vila Piratininga.

(Campo Grande News)

Foto: WhatsApp/Correio Do Estado

Campo Grande

O guarda municipal Everton Alves da Silva, de 30 Anos, morreu ao voltar do seu trabalho na Avenida Gury Marques, próximo a Rua Osvaldo Aranha, na Vila Concórdia em Campo Grande. 

Segundo informações preliminares, o acidente aconteceu por volta das 05h40 e ele poderia ter dormido na condução.  A moto é um modelo CB 300 azul. 

Equipes do Corpo de Bombeiros e Samu foram acionadas para a ocorrência. A Policia Militar está presente e o corpo ja foi retirado do local. 

A assessoria da Guarda Municipal informou que ele era servidor desde 2010.

Advertisement