Dourados-MS,
PRINCIPAL OK
Grid List

Uma parceria entre as secretarias municipais de Assistência Social e de Saúde promoveu no CCPCD (Centro de Convivência e Geração de Renda da Pessoa com Deficiência) Dorcelina Folador, uma oficina ortopédica itinerante do CER (Centro Especializado em Reabilitação) de Campo Grande.

“A proposta da oficina tem como principal objetivo facilitar o acesso das pessoas com deficiência que precisam de órteses, que são as cadeiras de roda, de banho, elétrica, e as próteses. Com o atendimento aqui, as pessoas não precisam ir até à Capital para ter este benefício”, explica Jeferson Carlos dos Santos, coordenador do CCPCD Dorcelina Folador.

As órteses e próteses são produzidas sob medida, por isso é preciso uma avaliação, que contou com fisioterapeutas da Sems (Secretaria Municipal de Saúde). Depois, as órteses e próteses são produzidas em Campo Grande e voltam para Dourados, onde são entregues.

A secretária de Assistência Social, Elizete Ferreira, acompanhou os atendimentos.

Prefeitura de Dourados, através da Secretária Municipal de Serviços Urbanos, divulgou uma resolução na quarta-feira (6), autorizando de forma excepcional, que as calçadas sejam utilizadas para exposição de produtos do dia 6 até o dia 12 de outubro, desde que não prejudique a circulação.

Segundo o secretário da pasta, Romualdo Diniz Salgado Júnior, a iniciativa é uma forma de incentivar o comércio. “Sabemos que a pandemia prejudicou o setor de vendas e nosso objetivo é contribuir com o comércio local, nesse momento de retomada das atividades”, pontuou.

Para o uso dos espaços é necessário observar algumas regras. Os estabelecimentos podem usar apenas a parte do passeio correspondente à testada do estabelecimento interessado, devem deixar livre para o trânsito público, uma faixa de passeio não inferior a dois metros, respeitando área suficiente para a passagem de cadeirantes e usuários do piso tátil.

Segundo o secretário, haverá fiscalização orientadora pelo o Departamento de Fiscalização e Posturas, para saneamento de dúvidas por parte dos comerciantes e de quem mais se fizer necessário.

Neste sábado (9), pessoas com 35 anos ou mais podem se vacinar no drive-thru do Pavilhão de Eventos Dom Teodardo Leitz, que fica ao lado da Prefeitura. A campanha Dourados Vacina tem poucas doses e, por isso, a vacinação drive-thru de amanhã terá início às 8h e seguirá até o término das 2.500 doses disponíveis.

Segundo o núcleo de imunização, devido ao quantitativo de doses, a vacinação Dose1 continua apenas no drive. Para se vacinar é preciso estar com um documento com foto, CPF e comprovante de residência.=

Para quem precisa tomar a dose 2, a imunização retorna na segunda-feira, tanto no drive do pavilhão, como nas unidades de saúde, para quem tomou a D1 de AstraZeneca até o dia 30 de abril.

É preciso ficar atento a data da Dose 2. Esta informação está no cartão de vacinação. O período de intervalo entre a Dose 1 e a Dose 2 para quem tomou AstraZeneca e Pfizer é de 90 dias. Para quem tomou Coronavac, o intervalo é de 28 dias.

O contador Aparecido Ferreira da Silva, 49 anos, que estava desaparecido desde o dia 24 de março, em Campo Grande, foi encontrado morto na tarde de ontem (26) em uma área rural na saída para Sidrolândia. Ele foi vítima de latrocínio.

Conforme apurado pelo Campo Grande News, os autores, identificados como Ryan Vitor, 19 anos, e Paulo Mendes, 20 anos, cometeram o crime para roubar o carro do contador, um Chevrolet Celta.

Na tarde de terça-feira (24), após fazer o último contato com a esposa pelo celular, Aparecido se encontrou com a dupla e, enquanto ele dirigia, os jovens anunciaram o assalto. A vítima reagiu e foi morta a facadas.

Não há detalhes sobre as circunstâncias que levaram o contador ao contato com os rapazes.

Durante as investigações, policiais da DEH (Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes de Homicídio) localizaram o carro de Aparecido em uma oficina mecânica na Capital. A dupla foi encontrada em uma casa nas proximidades do Terminal Bandeirantes.

Ryan e Paulo foram presos em flagrante e responderão por latrocínio e ocultação de cadáver.

Um dos jovens também foi enquadrado em tráfico de drogas. Na casa dele, foram encontrados 20 gramas de cocaína, preparada para a comercialização.

Um motorista de aplicativo, de 44 anos, que estava desaparecido há 15 dias, foi encontrado morto, nesta quinta-feira, dia 19 de setembro, às margens da rodovia BR-262, na saída para Três Lagoas, em Campo Grande.

Segundo o site Campo Grande News, em seu último contato por chamada de vídeo com a esposa, no dia 04 de setembro, Ivonaldo Miguel Rosa estava aparentemente abatido, segundo a mulher. Ainda conforme o boletim de ocorrência sobre o desaparecimento ela teria pedido para que ele a fosse buscá-la no emprego, pois precisava ir ao médico, mas ele disse que não poderia.

A esposa do rapaz desligou o telefone e ao chegar em casa encontrou o veículo de Ivonaldo, seus documentos e o celular, mas desde então ela não era mais visto. À polícia a esposa do rapaz ainda relatou que o casal passava por dificuldades financeiras. Ele era técnico de informática, mas há dois anos trabalhava como motorista.

Segundo a mulher o marido também tinha surtos frequentes em que dizia que ia se matar. Contudo, nesta quinta-feira (19) ele foi encontrado à margem da rodovia e os indícios no corpo, indicam que a causa da morta tenha sido por asfixia.

O corpo foi reconhecido pela família no IML (Instituto Médico Legal) e a perícia ainda deve confirmar se a morte foi de fato decorrente de um suicídio.

Funcionários e clientes da farmácia Pag Menos, localizada na Avenida Calógeras, na região central de Campo Grande, foram rendidos por um bandido armado na noite de ontem (23). O assaltante deixou o local levando dinheiro e celulares.

Segundo informações do boletim de ocorrência, uma mulher de 50 anos procurou a polícia e relatou que, ao entrar na farmácia, por volta das 19h20, foi rendida por um assaltante que estava atrás do balcão.

O bandido anunciou o assalto, mandou que a vítima entregasse a bolsa e fosse para os fundos do prédio, onde estavam outros clientes e funcionários do estabelecimento.

Pouco tempo depois, o bandido fugiu do local levando celulares e dinheiro das vítimas. Não foi informado o valor que o suspeito levou da farmácia.

O caso foi registrado na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) da Vila Piratininga.

(Campo Grande News)

Advertisement