Dourados,MS
The current Bet365 opening offer for new customers is market-leading bet365 mobile app You can get a free bet right now when you open an account.

Missão das Filipinas confere ações nas áreas de defesa sanitária animal de MS

Missão das Filipinas confere ações nas áreas de defesa sanitária animal de MS

Buscando garantir a segurança do abastecimento de carne, o Governo das Filipinas enviou ao Brasil cinco equipes para realizar missão de verificação das condições sanitárias, observando desde a documentação, leis e serviços de inspeção até as condições de abatedouros e procedimentos nas propriedades rurais, em vários Estados.

Em Mato Grosso do Sul, conforme a auditora, médica veterinária May M. Magno, são objetivos da missão de inspeção, validar o programa de defesa animal e o sistema de certificação em conformidade com os padrões da Organização Mundial de Saúde Animal (OIE) para a segurança das carnes exportadas para Filipinas e ainda validar uma conformidade contínua com os padrões da OIE e com outros padrões internacionais aplicáveis ou equivalentes com relação aos programas de defesa animal.

A última etapa do trabalho, segundo May, é a produção e envio de um relatório bastante abrangente para o órgão de análise da certificação das Filipinas, comandado pelo departamento agrícola, para que eles tomem uma decisão sobre aprovação da certificação.

Na reunião que aconteceu na sede do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) em Campo Grande, depois de conhecer a Secretaria Federal da Agricultura e o trabalho realizado no Estado, através do detalhamento apresentado pelo superintendente Celso Souza Martins, e conhecer também o trabalho da Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal (Iagro), através da apresentação realizada pela Fiscal Márcia Rabelo, da Divisão de Defesa Sanitária Animal (DDSA) da Iagro, a auditora detalhou os objetivos de sua visita.

May comentou que seu trabalho é realizado com base na legislação daquele País e do exterior, composta por Código de boas práticas de reprodução animal, as leis da república que tratam do ato de bem estar animal e do ato de segurança alimentícia, os itens do código de defesa de animais terrestres da OIE que tratam da prevenção e controle da salmonela em sistemas de produção comercial para bovinos e suínos, e os padrões das empresas com relação aos manuais de biossegurança. “O escopo da inspeção vai desde a criação na fazenda, até o transporte e o abate”, completou.

Segundo o Diretor presidente da Iagro, Luciano Chiochetta, as apresentações sobre o trabalho da SFA e da Iagro tem nível de detalhamento suficiente para atender os protocolos da auditora e devem ter resultado positivo no fechamento da auditoria.

A missão será encerrada dia 29 de setembro, quando os cinco grupos se reúnem com membros do Ministério da Agricultura, em Brasília, para discutir as atividades desenvolvidas.

Participaram da reunião com a auditora, o Superintendente de Meio Ambiente, Ciência e Tecnologia, Produção e Agricultura Familiar, Rogério Thomitão Beretta, o Coordenador de Pecuária da Semagro, Marivaldo Miranda, a assessora técnica Marina Dobashi, e o Diretor Executivo da Iagro, Roberto Bueno.

Texto e foto: Kelly Ventorim – Secretaria de Estado de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar (Semagro)