The current Bet365 opening offer for new customers is market-leading bet365 mobile app You can get a free bet right now when you open an account.

Educação aumenta em 55% o número de matriculados em Ceim’s

Educação aumenta em 55% o número de matriculados em Ceim’s

Um levantamento comparativo realizado pela Central de Matrículas da Secretaria de Educação nos três primeiros meses de 2017 apontou um crescimento de 55% no número de matriculados nos Centros de Educação Infantil (Ceim) da Rede Municipal de Ensino de Dourados.

Ações de remanejamento e aproveitamento das unidades promovidas pela Secretaria de Educação, além de melhoria estrutural, possibilitou que 1.816 matrículas a mais pudessem ser efetivadas. Segundo a secretária de Educação, Denize Portollan, uma demanda que se arrasta por anos está, em um primeiro contato da nova administração, sendo reduzida. "Demanda por vagas em Ceim’s sempre vai existir. O que temos feito é buscar minimizar os impactos da falta de vagas com ações que já são muito mais efetivas", disse a secretária.

Em 2016, a quantidade de alunos matriculados no município era de 3.277, e a fila de espera atingia 2.445 crianças. Este ano, a quantidade de matriculados nos Ceim’s passou para 5.093, reduzindo a fila de espera para 1.375.

Em 2017, a Prefeitura de Dourados, através da Secretaria de Educação também ampliou o número de vagas nos centros de educação particulares. De 500 vagas no ano passado, a Secretaria aumentou para 1.000 este ano e providencia mais de 200 novas vagas para os próximos dias.

Assim, com a finalização de convênios para mais vagas em unidades particulares e a conclusão das obras dos Ceim’s que estão em construção o número de alunos na fila de espera caminha para ser ainda menor até o final deste ano.

Com a entrega de novos Ceim’s o Município vai atender até 800 crianças com meio período. Se o período integral for implantado, serão pelo menos 500 novas vagas. A previsão, no entanto, depende do cronograma das obras, iniciadas em outra administração, que tem sido acompanhado e cobrado pela gestão atual.

"Nosso trabalho tem sido constante para reprimir a demanda. No entanto, lista de espera por vagas em Ceim’s têm números em caráter flutuante, que varia de acordo com o crescimento populacional da cidade. Dourados está em franca expansão e, se há 4 anos a fila tinha determinado tamanho, hoje tem outro, e ano que vem será outro", disse a secretária de Educação, Denize Portollan.

Para se ter ideia da flexibilidade deste número de espera, uma recomendação do Ministério Público datada de 2013 apontava que Dourados tinha uma demanda por vaga de pouco mais de 1,1 mil crianças. Segundo a secretária Denise, com o trabalho de três meses, a administração da prefeita Délia Razuk conseguiu matricular mais crianças do que o número apresenta e, ainda assim, a fila permanece. "Tivemos uma conquista importante que há três anos ninguém conseguiu. Mas ainda há o que fazer. Vamos trabalhar para que esta lista permaneça dentro de uma margem aceitável", finalizou a secretária.