Dourados-MS,
Semestre- Camara

PDT realiza coletiva para afastar boato de crise dentro do partido

Dirigentes do PDT se reuniram na tarde de hoje - Foto: Divulgação

Campo Grande
Fonte
  • Extra-Pequena Pequena Media Grande Extra-Grande
  • Padrão Helvetica Segoe Georgia Times

O PDT de MS realizou coletiva de imprensa nesta tarde, para afastar boatos de crise dentro do partido, depois de João Leite Schmidt deixar a presidência estadual, para o deputado federal Dagoberto Nogueira. Estavam presentes o pré-candidato ao Governo Odilon de Oliveira, Dagoberto, Schmidt  e o coordenador do programa de governo, Herbert Assunção. 

Os dirigentes confirmaram a convenção para o dia 21 e a vinda do pré-candidato à presidência Ciro Gomes no lançamento oficial da candidatura do juiz   entres os dias 20 e 25 de agosto.

Eles se recusaram a dizer qual partido farão aliança durante as eleições. 

Schmidt afirmou ser "normal" esse suspense. "E um ritual, um protocolo para deixar até o último dia antes da convenção para poder divulgar ".

Dagoberto informou ter de 4 a 5 aliados. "Estamos fechando essa semana com alguns ainda. Também não temos ainda o nome fechado do vice-governador ".

Odilon disse priorizar aliados ficha limpa. "Não queremos nos aliar com gente envolvida em corrupção, tem que ser ficha limpa, se não tiver ficha nenhuma, melhor ainda"

 

 

Agencia Brasil