Dourados-MS,
 Camara municipal-principal

Marcos Trad diz não existir nada de aliança com PSDB no Estado

Foto - Divulgação

Campo Grande
Fonte
  • Extra-Pequena Pequena Media Grande Extra-Grande
  • Padrão Helvetica Segoe Georgia Times

O prefeito de Campo Grande, Marcos Trad (PSD), jogou “balde de água fria” nas negociações de aliança com PSDB para apoiar a reeleição do governador Reinaldo Azambuja (PSDB).

Enquanto o governador do Estado declara caminhar para entendimento as conversas com PSD, até por causa do estilo semelhante de administração dos dois, o prefeito disse não existir nada sobre essa aliança. Ele prefere esperar mais tempo para definição do rumo do partido na sucessão à administração de Mato Grosso do Sul.

Marcos Trad condiciona o acordo no Estado à decisão da cúpula nacional do PSD. Azambuja já vê essa relação próxima, porque os dois partidos estão juntos na pré-campanha do ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin (PSDB) à sucessão presidencial. 

Mesmo assim, o prefeito não quer antecipar nenhuma posição, deixando os tucanos mais angustiados, porque o tempo está passando e as negociações de formação de chapa tanto na proporcional quanto na majoritária estão avançando para fechamento com outros partidos.

 

Correio do Estado