Dourados-MS,
PRINCIPAL OK

Devido a alta adesão dos idosos a imunização contra a covid-19, a Prefeitura de Dourados, por meio da Sems (Secretaria Municipal de Saúde), ampliou o público de idosos a serem vacinados. Neste domingo (28), no Corpo de Bombeiros da Presidente Vargas, acontecerá a aplicação de doses para idosos com 68 anos ou mais.

A imunização será no sistema drive-thru, no qual os idosos com 68 anos ou mais não precisam descer do carro. É preciso estar com o Cartão do SUS, RG ou CPF para tomar as doses do imunizante contra o novo coronavírus.

A Prefeitura de Dourados deu início ao serviço de patrolamento nos assentamentos que são acompanhados pela Agehab (Agencia de Habitação) em parceria com a Semop (Secretaria Municipal de Obras Públicas). Os primeiros a receberem o maquinário foram as comunidades Ouro Fino e Vitória. Além de melhorar a passagem dos carros, foram construídas caixas para contenção d’água, o que evita alagamentos.

O diretor-presidente da Agehab, Diego Zanoni, explica que essa é uma solicitação antiga das comunidades. Juntos, os assentamentos possuem 230 famílias, no Ouro Fino, moram 75 famílias, e no Vitória, 155. As ações melhoram o acesso dos moradores, e de serviços essenciais, até as residências.

“Esses são assentamentos que já eram acompanhados pela Agência de Habitação. Nós demos início ao patrolamento para melhorar a qualidade de vida dessas famílias. Foi construído uma calha para o escoamento da água o que reduz os riscos de alagamentos e mantém a qualidade do serviço por mais tempo”, pontuou.

Zanoni destacou que neste primeiro momento as comunidades cadastradas pela Agência serão contempladas. Nesta parceria, o serviço de patrolamento cobre toda a extensão das vias existentes nas localidades.

“Existem outros assentamentos que serão contemplados. Após as ações no Ouro Fino e no Vitória, vamos levar o maquinário para a comunidade Santa Fé”, frisou.

Um dos pontos sensíveis para a comunidade estava na dificuldade de acesso, que, devido a um longo período sem manutenção criou buracos e desnivelou as vias. O presidente da comunidade Ouro Fino, Eder da Cunha, apontou que além do acesso aos moradores, o benefício está também no recebimento de serviços públicos, como o acesso aos serviços de saúde, escolar e até mesmo ao abastecimento de água.

“Na comunidade nós temos crianças, gestantes e, como nem todo mundo tem carro, nós precisamos desse auxílio quando alguém passa mal. Existem pontos em que o acesso é tão ruim, que nem mesmo a ambulância do SAMU consegue entrar. Essa melhora traz mais tranquilidade para quem mora por aqui”, ressalta.

Já o presidente da comunidade Vitória, Diego Alves, ressaltou que as obras contemplam os acessos e não apenas as ruas principais. “Além de melhorar a estrutura das ruas, eles têm patrolado as curvas e as vias que fazem esse cruzamento. Isso garante que toda a comunidade circule com tranquilidade, sabendo que toda a região foi contemplada”, finaliza.

As instalações da Câmara Municipal de Dourados passaram na noite desta sexta-feira (26) por uma desinfecção, o procedimento foi executado por uma equipe do Corpo de Bombeiros. Os três pavimentos do Poder Legislativo, parte interna e externa, foram higienizados com uma solução recomendada de hipoclorito de sódio.

A equipe formada por três militares fez o reconhecimento do local e executou a descontaminação de todo o prédio. O trabalho de higienização das instalações faz parte do protocolo de biossegurança adotado pelo Legislativo para diminuir os riscos de contaminação pela Covid-19 no âmbito da Câmara de Dourados.

 “Entendemos ser importante neste momento realizarmos essa ação de desinfecção do prédio da Casa, como forma de minimizarmos o risco de circulação do vírus dentro das instalações da Câmara. O momento exige que tomemos todas as precauções e prontamente tivemos esse apoio do Corpo de Bombeiros para executar a higienização de todo o prédio”, disse o presidente da Câmara, Laudir Munaretto (MDB).

Diante do aumento no número de casos registrados de Covid-19 em Dourados, a Câmara tem adotado medidas mais rigorosas para diminuir os riscos propagação da doença no âmbito do Legislativo, entre elas, a adoção do regime de escala de trabalho entre os servidores e departamentos da Casa, visando reduzir possíveis aglomerações e o número de funcionários por sala.

 Para o estabelecimento de escala entre os servidores, está sendo aplicado o regime de trabalho remoto (home-office) e de expediente em horários diferenciados. Já os servidores enquadrados no grupo de risco da Covid-19 foram designados para executar suas funções na modalidade de teletrabalho.

A CAC (Central de Atendimento ao Cidadão) de Dourados está com atendimento remoto por conta do decreto estadual de combate a covid-19 em Mato Grosso do Sul. Os colaboradores estão fazendo home office para manter os atendimentos a população.

Se o cidadão douradense precisar dos seguintes atendimentos: Cadastro Econômico, Cadastro Imobiliário, Ciência ao Requerente, Dívida ativa, ISSQN, ITBI, MEI, Lançamento e consistência, Protocolo e Triagem e Procuradoria Execução Fiscal deve entrar em contato pelo telefone 3414-5600.O horário de funcionamento da Central do Cidadão é das 07h30 às 13h30, de segunda a sexta-feira.

O objetivo da ação é que a população continue tendo acesso aos serviços prestados pela CAC.

Mais Artigos...