Dourados-MS,

Sem abrir contas no Bradesco, quase mil servidores podem ter salários retidos

Dourados
Fonte
  • Extra-Pequena Pequena Media Grande Extra-Grande
  • Padrão Helvetica Segoe Georgia Times

O secretário municipal de Fazenda, Carlos Francisco Dobes Vieira, alertou que quase mil servidores da Prefeitura de Dourados podem ter os salários de fevereiro retidos porque ainda não fizeram abertura de conta no Banco Bradesco, que venceu licitação para gerenciar com exclusividade a folha de pagamentos da administração municipal.

Embora a instituição financeira tenha iniciado ainda em 22 de janeiro um mutirão com cronograma de atendimento específico para servidores municipais a partir da letra inicial dos nomes, nem todos compareceram à estrutura montada  no térreo do shopping Avenida Center, no horário das 7h às 18h, de segunda a sexta-feira, e das 8h às 18h aos sábados.

Na terça-feira (13), a prefeitura usou as redes sociais para repercutir o alerta do secretário de Fazenda. “As letras que foram definidas datas para fazer abertura de contas terminaram ontem, entretanto nós temos quase mil funcionários que ainda não vieram fazer o cadastramento e a abertura da conta. Se não tiver abertura de conta salário no Bradesco o salário vai ficar retido. Isso vai gerar transtorno sem nenhuma necessidade”, afirmou.

Segundo Dobes, independentemente se os servidores vão ou não fazer portabilidade é necessário fazer a abertura da conta no Bradesco porque sem ela não vai receber o salário. “Nesse salário que vamos pagar em março referente a fevereiro já vai ser depositado nas contas do Bradesco. Essa estrutura é até sexta, depois é só agência e vai ficar um pouco mais complicado porque não é a mesma estrutura dedicada só para abertura de conta”, pontuou.