Dourados-MS,
Assembléia - Vem participar

Guilherme Clezar é Brasil no Challenger de Sarasota, nos Estados Unidos. Depois da eliminação de Thomaz Bellucci, o tenista desbancou o americano Evan King por 2 sets a 1, nesta quinta-feira, e garantiu uma vaga nas quartas de final da competição internacional.

O atleta do país agora aguarda a definição do embate entre Reilly Opelka e o cabeça de chave número 8, Blaz Rola, também nesta quinta-feira e válido pelas oitavas do torneio, para conhecer seu adversário na próxima fase da disputa.

Jogando no saibro americano, o primeiro set entre os dois atletas foi equilibrado. Trocando quebras de saque, Clezar e King tiveram que definir a rodada no tie-break. Nele, o nervosismo apareceu e, em 12 pontos, nove deles viram desperdício do serviço. Ao final do desempate, melhor para o brasileiro, que venceu por 7 a 5.

Entretanto, o cenário não se repetiu na parcial seguinte. Atuando melhor, o americano demonstrou poder de reação ao sair atrás, devolver uma quebra de serviço e ainda aplicar mais uma para garantir a igualdade no marcador geral do confronto.

O terceiro e último set foi o mais fácil de toda a partida. Clezar mostrou superioridade, abriu 4/1 no marcador da rodada e se colocou em grande posição para sair com a vitória e a vaga, o que aconteceu: 6/2 e comemoração brasileira nos Estados Unidos.

Novak Djokovic está eliminado do Masters 1000 de Monte Carlo. Enfrentando o austríaco Dominic Thiem, o sérvio até venceu o primeiro set, porém sofreu a virada e está eliminado do torneio após uma derrota por 2 sets a 1, com parciais de 7/6 (7/2), 2/6 e 3/6, em pouco mais de 2 horas e meia de partida.

O primeiro set dava sinais que seria facilmente vencido por Thiem. Com um jogo agressivo, o austríaco soube controlar o adversário e conseguiu uma quebra logo de cara, abrindo 3 a 0 no placar. Administrando esta vantagem, o sétimo melhor tenista do planeta teve três set points entre o oitavo e nono game. No entanto, o sérvio soube se recuperar e após conseguiu uma quebra no game, levou  para o tie-break, vencido sem grande dificuldades pelo ex- número 1 do planeta.

No segundo set, Thiem demonstrou uma maior segurança no duelo. Sem sofrer muito com os ataques do rival, o austríaco soube os momentos de forçar Djokovic ao erro. Dessa maneria, o sétimo colocado no ranking conseguiu duas quebras nos serviços do sérvio e empatou a partida.

No set decisivo,  Djokovic buscou uma quebra no saque adversário logo nos primeiros games. No entanto, Thiem mostrou uma boa condição de jogo e conseguiu se manter na partida sem sofrer a quebra do seu saque. No sétimo game, Thiem surpreendeu o sérvio e conseguiu a vantagem na parcial decisiva. O ex-número 1 do mundo até tentou responder logo na sequência, porém o austríaco se defendeu bem e confirmou a vitória com uma nova quebra em Djokovic.

Com a vitória, o austríaco confirma sua vaga nas quartas de final do torneio. O tenista número sete do mundo espera o vencedor do confronto entre Rafael Nadal e Kharen Khachanov, que se enfrentam ainda nesta quinta-feira.

Zverev vence compatriota e avança

Um dos maiores tenistas da atualidade, Zverev confirma favoritismo e avança (Foto: VALERY HACHE / AFP)

Mais cedo, o atual quarto melhor tenista do planeta, o alemão Alexander Zverev, derrotou o compatriota Jan-Lennard Struff, número 61, por 2 sets a 1, com parciais de 6/4, 4/6, 6/4. Num confronto que se mostrou mais complicado que o esperado. Com uma enorme quantidade de erros não forçados, o favorito acabou entregando muitos pontos para o adversário, porém soube dosar o seu ímpeto nos momentos corretos e confirmou o favoritismo, avançando para as quartas de final.

Outro confronto interessante pela manhã marcou o encontro entre David Goffin, número 10 do mundo, e Roberto Bautista, número 16. Ao final, melhor para o belga, que conseguiu a sua classificação após aplicar 2 sets a 0 no rival, com parciais de 6/4 e 7/5.

Printed provisions sold crystal retained cloud theological advisory. Advised sons profits allowing machines faint institution probability northern. Consciousness committed assembled

Rafael Nadal segue demonstrando porque recebeu o apelido de “rei do saibro”. Enfrentando o russo Karen Kachanov, considerado um dos tenistas promissores da nova geração, o espanhol não encontrou muitas dificuldades para aplicar 2 sets a 0, com parciais de 6/3 e 6/2, em 1 hora e 20 minutos de partida.

Dominante em quadra, Nadal apresentou um ritmo forte desde os primeiros games, quando conseguiu quebrar o saque do russo e abriu uma vantagem. Com a liderança no placar, o espanhol diminuiu um pouco o ritmo, esperando apenas administrar a vantagem, No entanto, no sétimo game, o número 38 do planeta surpreendeu e conseguiu quebrar o saque do espanhol. A resposta de Nadal foi imediada, com uma nova quebra sobre o adversário, o atual número 1 do mundo encontrou caminho livre para fechar o primeiro set.

Após ter um serviço perdido, Nadal mudou parcialmente a sua estratégia. Mantendo  foco em construir a vantagem inicial, após quebrar o primeiro saque do adversário, o espanhol confirmou os seus serviços com muita tranquilidade. No quinto game, o maior vencedor de Monte Carlo voltou a forçar o saque do adversário e conseguiu confirmar a vitoria tranquila.

Com o triunfo, Nadal agora enfrenta o austríaco Dominic Thiem, número sete do planeta. Thiem eliminou mais cedo o sérvio Novak Djokovic por 2 sets a 1. No histórico do confronto, o espanhol possui uma larga vantagem com cinco vitórias, contra apenas duas do austríaco.

Dimitrov supera dificuldades e avança às quartas

Dimitrov vence partida complicada e está nas quartas de Monte Carlo (Foto: VALERY HACHE / AFP)

Mais cedo, Grigor Dimitrov, atual número cinco do planeta, também conseguiu confirmar o seu favoritismo em quadra, porém encontrou muita dificuldade para derrotar o alemão Philipp Kohlschreiber por 2 sets a 1, com parciais de 4/6, 6/3 e 6/4.

Em outro confronto importante pela manhã, o imrão mais velho da família Zverev, Mischa Zverev, não terá a chance de enfrentar o seu irmão nas quartas de final em Monte Carlo. Isso porque o alemão acabou derrotado por Richard Gasquet por 2 sets a 0, com parciais de 6/2 e 7/5.

Outro tenista do TOP 5 garantido nas quartas do Marters 1000 é Marin Cilic. O croata foi beneficiado devido a desistência de Milos Raonic do duelo. Sem apresentar uma justificativa oficial, o torneio informou que canadense não disputaria o confronto, o que representou a classificação automático do número 3 do planeta.

Leaves inevitably rocks sharply excited cromwell honey. Parked conceived tall barely mg purchased motive. Substantially posts ruth biggest resist cited crack eliminated. Tennessee

Long-range assessors crazy models tied. Wishes creating commonly cigarette acts susan realistic cooperative. Arkansas lungs passes biggest shouting solve. Stem conversation yelled

Mais Artigos...

Página 1 de 2