Dourados-MS,
Prefeitura1

Jogos Escolares são trampolim para profissionalização do esporte em MS

Basquete
Fonte
  • Extra-Pequena Pequena Media Grande Extra-Grande
  • Padrão Helvetica Segoe Georgia Times

Investimentos do Governo do Estado nos Jogos Escolares da Juventude de Mato Grosso do Sul têm profissionalizado o esporte local. A participação de atletas cresceu nos últimos cinco anos, saindo de 86 equipes em 2015 para 219 neste ano. O evento, além de promover a integração de jovens de 15 a 17 anos e servir de base para competições nacionais, amplia o nível técnico dos participantes.

“O Jogos Escolares é nosso início. O sonho de cada um dos atletas que está aqui é se profissionalizar, querer jogar em um time grande e importante”, afirmou Rafael Barbosa da Silva, que joga basquetebol. “Eu joguei voleibol no campeonato por dois anos e venho seguindo carreira no esporte. Hoje estou nos Jogos Escolares como chefe da delegação de Sidrolândia”, expressou Vinicius Fonseca Duarte da Silva, 18.

Quando o governador Reinaldo Azambuja assumiu a gestão estadual em 2015, o objetivo da Fundação de Desporto e Lazer de Mato Grosso do Sul (Fundesporte), responsável pelas políticas públicas da área, era modernizar os eventos esportivos, explica a diretora-geral dos Jogos Escolares, professora Karina Luiz Pereira Quaini.

“Antes as pessoas dormiam nas escolas, em alojamentos. Nesse modelo antigo, o banheiro era conjunto. Agora, oferecemos estrutura de qualidade para atletas, técnicos e professores. Todos dormem em hotéis, tomam um bom café da manhã, fazem as demais refeições no Centro de Convivência. Isso tudo contribui para o bom desempenho da competição”, disse a diretora-geral.

Na competição deste ano, equipes de 55 municípios disputam os melhores resultados nas modalidades de futsal, basquetebol, handebol e voleibol. Ao todo, 2,2 mil pessoas estão envolvidas no torneio. “Temos a participação de praticamente 70% dos municípios do Estado. Agora que conseguimos melhorar a qualidade do evento nossa expectativa é aumentar o nível técnico dos atletas, oferecendo capacitação para os professores, programa de treinamento para os alunos, apoio pedagógico”, afirmou Karina.

O Jogos Escolares da Juventude de MS é classificatório para a Copa dos Campeões. Os três primeiros times colocados da 1ª divisão e o primeiro da 2ª divisão avançam para competir a Copa em Mato Grosso do Sul. Depois, os vencedores dessa segunda etapa vão representar o Estado nas competições nacionais.

“A cada ano, novos participantes se inscrevem para os Jogos Escolares, tornando o evento em um dos mais emblemáticos do Estado. Com investimentos no esporte, trabalhamos na construção de uma nova geração em Mato Grosso do Sul, com dignidade e com a garantia da cidadania”, comentou o governador Reinaldo Azambuja.