Dourados-MS,
Anuncie_aqui

O título da Copa do Brasil começa a ser disputado na noite desta quarta-feira (11) na Arena da Baixada, em Curitiba. Athletico Paranaense e Internacional abrem a decisão a partir das 20h30 (de MS).

O Furacão chega à decisão depois de eliminar o Grêmio nos pênaltis em casa. O clube vive boa fase em copas, principalmente depois de ser campeão no ano passado da Sul-Americana, também nas cobranças de pênaltis.

O time paranaense deve começar a partida com Santos; Khellven (Madson), Bambu, Léo Pereira e Márcio Azevedo; Wellington, Bruno Guimarães e Léo Cittadini; Nikão, Rony e Marco Ruben.

Do outro lado, o Internacional volta a disputar uma decisão de Copa do Brasil depois de dez anos (foi vice em 2009). Será a primeira grande final do clube após o rebaixamento para a Série B. Na semifinal, o time gaúcho eliminou o Cruzeiro com vitórias de 1 a 0, fora, e 3 a 0, em casa.

O provável Internacional conta com Marcelo Lomba; Bruno, Moledo, Victor Cuesta e Uendel; Rodrigo Lindoso, Edenílson e Patrick; D'Alessandro, Nico López e Guerrero.

O presidente do Santos, José Carlos Peres, cogita enfrentar o Grêmio no Pacaembu, pela 20ª rodada, no início do segundo turno. A partida, a princípio, está marcada para o dia 21 (sábado), às 21h (de Brasília).

Peres conversará com o técnico Jorge Sampaoli sobre a possibilidade. Se o jogo diante do Grêmio não for em São Paulo, a ideia é subir a serra para receber o CSA. dia 29 (domingo), pela 22ª rodada.

“Pode ser (Grêmio, no Pacaembu), mas dependemos da concordância do Sampaoli. Ideia é manter os 50% entre Santos e São Paulo”, disse Peres, à Gazeta Esportiva.

A CBF havia permitido o Pacaembu apenas para as nove primeiras rodadas do Brasileirão, mas, de acordo com o presidente Peres, o estádio está liberado até dezembro deste ano, mesmo sem a iluminação mínima exigida (800 lux) – o espaço alcança só 600 lux.

“Liberado até o fim do ano. Jogamos o ano passado inteiro no Pacaembu com essa iluminação”, resumiu o presidente.

A Seleção Brasileira de Futebol se prepara para enfrentar o Peru pela terceira vez em 2019. Foram dois confrontos durante a Copa América e duas vitórias da equipe comandada por Tite. O técnico da seleção brasileira pensa em fazer algumas mudanças em relação ao time que começou a partida contra a Colômbia, na última sexta-feira (6). O resultado foi um empate em 2 a 2, com gols de Casemiro e Neymar. “Sabendo da grandeza do jogo, de repetir final de Copa América, a ideia é manter a estrutura básica, mas com modificações sim. Quero manter a estrutura da equipe, para um reencontro com a devida competitividade. Pode ser em torno de quatro atletas”, observou Tite.

“O Peru cresceu muito nas eliminatórias. Cresceu como equipe. Se consolidou. Gareca tem feito grande trabalho. Vai ser um grande jogo de novo. Pode perder algumas peças, o Guerrero, mas há outros jogadores com qualidade. Mantém-se a estrutura básica da equipe”, acrescentou Tite.

Depois de vencer os peruanos por 5 a 0 e 3 a 1 na Copa América 2019, o último resultado na final da competição, o técnico Tite sabe que para os peruanos pode haver um sentimento de revanche.

“Se eu estivesse do outro lado, teria esse sentimento de revanche, mas com lealdade. Não tem por que dar porrada. Quero jogar para mostrar que sou melhor. Se fosse o contrário, também teria. Como se faz de forma leal, é outra história. É salutar. Leva pressão”, afirmou.

A partida contra o Peru será à meia-noite desta terça-feira (10), horário de Brasília. O jogo será disputado no Los Angeles Memorial Coliseum, nos Estados Unidos.

Jogando em casa, o Botafogo soube aproveitar melhor as oportunidades e venceu o Atlético-MG por 2 a 1, na tarde deste domingo (8), pela 18ª rodada do Campeonato Brasileiro. A partida, que também foi marcada por um pênalti polêmico, aconteceu no estádio Nilton Santos no Rio de Janeiro.

O primeiro tempo da partida começou morno para ambas as equipes, mas antes mesmo do fim da primeira etapa, Diego Souza balançou as redes abrindo o placar para o Botafogo. O gol foi marcado após lance polêmico onde o árbitro primeiro deu falta de Igor Rabelo em cima de Alex Santana, mas após rever o lance com ajuda do VAR, voltou atrás e marcou pênalti.

O time visitante voltou para campo com força e vontade de deixar tudo igual, mas viu Alex Santana ampliar a diferença aos 20 minutos do segundo tempo.

A diferença só ficou menor aos 47 minutos, quando Di Santo livre marcou para o Atlético-MG. Este foi o primeiro gol do atacante com a camisa time. Com o resultado, o Botafogo chegou aos 26 pontos, ocupando a 10ª posição, enquanto o Atlético segue com 27 pontos, agora na oitava colocação.

Em duelo adiado e válido pela 16ª rodada do Campeonato Brasileiro, Palmeiras e Fluminense se enfrentam às 21 horas (de Brasília) desta terça-feira, na arena do Palmeiras.

Para o Palmeiras, uma vitória confirmaria a recuperação depois da chegada do técnico Mano Menezes, que em sua estreia conseguiu uma virada sobre o Goiás, fora de casa, e interrompeu uma sequência de sete jogos sem triunfo. Terceiro colocado, atualmente com 33 pontos, o time paulista pode diminuir para três pontos a distância para o Flamengo, atual líder da competição nacional.

Na zona de rebaixamento, o Fluminense chega com menos peso nas costas depois encerrar a sequência de três derrotas no Brasileirão. Venceu o Fortaleza na última rodada e sai da zona de rebaixamento se emplacar a segunda vitória seguida. O Tricolor está no 17º lugar, três pontos atrás do Cruzeiro.

O cruzeiro até tentou e por pouco não abriu o placar logo nos primeiros sete minutos da partida, mas o Grêmio aproveitou melhor as oportunidades e venceu o jogo no fim da manhã deste domingo (8), na Arena Independência, por 4 a 1. A disputa foi realizada pela 18ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Em sua primeira grande chance, o Cruzeiro quase marcou com Fred, que cabeceou após cruzamento de David, mas o gol foi evitado por Paulo Victor, que defendeu a bola. Minutos depois, aos 18, foi a vez de Diego Tardelli aproveitar cruzamento rasteiro de Galhardo e marcar o primeiro do Grêmio.

Ainda no primeiro tempo, Alisson ampliou o placar, aos 27 minutos, e Fred diminui a diferença. O gol do Cruzeiro foi aos 36 minutos após o centroavante finalizar no canto esquerdo do goleiro, que até tocou na bola, mas ela bateu na trave e entrou.

Conforme o site Globo Esporte.com, os outros dois gols que garantiram a vitória do time gaúcho saíram na segunda etapa da partida. O primeiro foi aos 18 minutos, com Everton, que marcou mais um aos 31 minutos.

Com o resultado, o cruzeiro segue, por enquanto, na 16º colocação da tabela, com 18 pontos, enquanto o Grêmio sobre para a 10º posição, com 25 pontos.

A partida entre Santos e Athletico-PR foi bastante movimentada, neste domingo (8), pela 18ª rodada do Campeonato Brasileiro. Porém, nenhuma das equipes conseguiu ficar à frente no placar, tendo o jogo na Vila Belmiro terminado empatado em 1 a 1.

Conforme o site Globo Esporte.com, o empate, inclusive, aconteceu durante lance polêmico já quase no fim da partida.

Ambas as equipes tiveram boas oportunidades durante o jogo, mas o Athletico saiu na frente no placar, aos 41 minutos do primeiro tempo, com gol de Braian Romero. Também foi nos momentos finais, só que desta vez do segundo tempo, que o Santos empatou.

O gol foi marcado por Carlos Sánchez, de pênalti. A principio o juiz da partida havia marcado falha fora da área, mas com auxílio do VAR, voltou atrás e marcou o pênalti. Com tudo igual, a partida terminou 1 a 1.

Com o resultado, o Santos chega aos 37 pontos, dois atrás do líder, o Flamengo, que será seu adversário direto no próximo sábado, no Maracanã. Já o Athletico tem 26 pontos, ficando na nona colocação.

Mais Artigos...