Dourados-MS,
Agosto_lilás

Palmeiras vence o Inter no primeiro jogo e leva vantagem para o Beira Rio

Futebol
Fonte
  • Extra-Pequena Pequena Media Grande Extra-Grande
  • Padrão Helvetica Segoe Georgia Times

O Palmeiras abriu vantagem sobre o Internacional na luta por uma vaga nas semifinais da Copa do Brasil. Em um jogo de muita marcação, disputas mais duras e reclamações com a arbitragem, o Verdão venceu o Colorado por 1 a 0, na arena, no primeiro confronto das quartas de final. Zé Rafael, aos 21 minutos da etapa inicial, fez o gol da vitória alviverde (veja abaixo os melhores momentos).

O Palmeiras joga agora por um empate para avançar na competição. O Internacional precisa de uma vitória por dois gols de diferença (não há o critério do gol fora de casa) para ficar com a vaga. O triunfo colorado por um gol de vantagem leva a decisão para os pênaltis. Quem passar, enfrenta o vencedor do confronto entre Atlético-MG e Cruzeiro.

Inter relata ameaça de morte

O vice-presidente do Internacional, Roberto Melo, contou na zona mista da arena que os dirigentes do clube foram ameaçados de morte por torcedores do Palmeiras que estavam em um camarote ao lado durante a partida. Segundo a diretoria do Colorado, o episódio foi levado ao presidente do Palmeiras, Maurício Galiotte, que disponibilizou seguranças para fazer a proteção do local. O clube ainda não decidiu se fará boletim de ocorrência ou Palmeiras e Internacional colocaram muita intensidade no início da partida. Com duas equipes de forte marcação, o jogo ficou truncado no meio de campo e sem espaço no ataque. O Palmeiras foi efetivo: na primeira chance, abriu o placar. Aos 21 minutos, Bruno Henrique cruzou na medida da direita, Zé Rafael se antecipou e fez de cabeça. O Colorado quase empatou na saída de bola, mas Weverton fez boa defesa em perigoso chute de Nico López. E foi só. Os gaúchos não mostraram força ofensiva para reagir e se concentraram na defesa. Os paulistas também não tiveram grandes oportunidades. Zé Rafael e Dudu arriscaram para fora. Sobrou mesmo muita reclamação dos dois lados com as decisões do árbitro Wilton Pereira Sampaio.

O Inter voltou do intervalo com D’Alessandro no lugar de Nonato para tentar melhorar a produção ofensiva. Mas as duas primeiras chegadas foram do Palmeiras, em finalizações de Zé Rafael e Dudu. Felipão posicionou o Verdão mais atrás em busca de um contra-ataque. Aos 24, Deyverson disparou livre pelo meio contra apenas um adversário, mas errou o passe que colocaria Zé Rafael na cara de Marcelo Lomba para desespero da torcida. Com o rival recuado, Odair Hellmann liberou os laterais do Inter para atacar mais. A saída de Nico López (entrou Rafael Sobis), porém, tirou do ataque gaúcho seu principal jogador. O Colorado ainda insistiu nos minutos finais, mas não chegou ao empate.