Dourados-MS,
 Camara municipal-principal

Em duelo de pressionados, Galo recebe o Grêmio em BH

Futebol
Fonte
  • Extra-Pequena Pequena Media Grande Extra-Grande
  • Padrão Helvetica Segoe Georgia Times

Ambos pressionados. Por motivos diferentes, é certo, mas, ainda assim, dois apertados. Atlético e Grêmio duelam na tarde deste sábado, no Independência, pelo Campeonato Brasileiro, com o Tricolor tenso após deixar escapar a classificação para a final da Copa Libertadores, já o Galo convive com a grande ausência de resultados.

O mês de outubro foi desastroso para o Atlético. O clube não venceu e queimou a gordurinha conquistada com vantagem na sexta colocação. Com isso, viu Santos e Atlético-PR se aproximarem e isso preocupa pelos lados da Cidade do Galo.

O mês 10 do calendário foi tão ruim que levou com ele dois profissionais. Primeiro o técnico Thiago Larghi perdeu sua vaga para o mais experiente Levir Culpi. Depois o diretor de futebol Alexandre Gallo, por motivos parecidos, sem efeitos, foi demitido nessa semana.

Levir assumiu dentro das quatro linhas e o ex-atacante Marques fora. Ambos pegaram o barco andando e o circo pegando fogo. O grande conhecimento de Atlético-MG das duas partes pode ser um fator preponderante para algum sucesso. A maior preocupação do momento é assegurar a ameaçada vaga para a Libertadores. A esperança de algum brasileiro conquistar o torneio em 2018 se foi com as eliminações de Palmeiras e Grêmio e, diante disso, o G7 ficou em um sonho distante.

Dentro de campo, Levir tenta mudar a realidade atleticana. Grita com jogadores no gramado. Mesmo assumindo não conhecer o elenco que tem em mãos – algo que se mostrou muito mais estratégico do que realidade – promove mudanças no elenco. A principal aconteceu nos treinamentos desta semana: colocou David Terans no meio, na vaga do suspenso Luan, ao lado de Cazares. Com alguns pensamentos, fez alterações, tirou o equatoriano e colocou o volante Matheus Galdezani, deixando a equipe com três volantes. A permanência de Terans pode ser interpretada nas entrelinhas que Levir quer mais participação de Cazares.

Na busca fora do campo por uma vaga na final da Libertadores, o Grêmio encara o Galo com desfalques no duelo de amanhã. Com duas fraturas nas costelas, o goleiro Marcelo Grohe não atua mais nessa temporada na meta gremista. No seu lugar entra Paulo Victor.

Lesionados, o zagueiro Kannemann e o volante Maicon também ficam de fora da partida. Paulo Miranda e Alisson ocupam as suas vagas. Em compensação o atacante Everton que havia entrado no segundo tempo da semifinal da Libertadores diante do River Plate começa o jogo ao lado de Jael.

Atualmente no Brasileirão o Grêmio ocupa o quinto lugar, com 52 pontos e luta para retornar ao G4. No primeiro turno os gaúchos derrotaram os mineiros por 2 a 0 na Arena.

Ficha Técnica
Atlético-MG X Grêmio

Local: Estádio Independência, em Belo Horizonte – MG
Data: 03 de novembro (Sábado)
Horário: 17h(de Brasília)
Árbitro: Wagner do Nascimento Magalhaes (Fifa-RJ)
Assistentes: Rodrigo Figueiredo Henrique Corrêa (Fifa-RJ) e Carlos Henrique Alves de Lima Filho (RJ)

Atlético–MG: Victor; Emerson, Leonardo Silva, Maidana e Fábio Santos; Adilson, Elias, Cazares ( Matheus Galdezani) David Terans e Chará; Ricardo Oliveira
Técnico: Levir Culpi

Grêmio: Paulo Victor, Leonardo Gomes, Paulo Miranda, Geromel e Cortez, Michel, Cícero, Ramiro e Alisson, Everton e Jael.
Técnico: Renato Portaluppi