Dourados-MS,
 Camara municipal

De volta ao Brasil, Palmeiras segue focado na evolução física dos atletas

Foto - Divulgação

Futebol
Fonte
  • Extra-Pequena Pequena Media Grande Extra-Grande
  • Padrão Helvetica Segoe Georgia Times

De volta de sua excursão pela América Central, o Palmeiras planeja seus próximos dez dias de intertemporada. Agora, em São Paulo, mesmo com a partida de volta do Campeonato Brasileiro, dia 19, contra o Santos, já se aproximando, o técnico Roger Machado explica que a equipe seguirá focada na evolução física.

“A pré-temporada continua. Teremos o mesmo tempo de preparação (em relação ao período na América Central) em São Paulo, treinos também em dois períodos. Vamos continuar evoluindo fisicamente e trabalhando a base do que vai encarar o Santos, no dia 19”, afirmou o comandante.

A formação titular para encarar o Peixe deverá ser a que começou jogando e atuou por mais tempo na goleada por 6 a 0 contra a Liga Alajuelense, da Costa Rica. Já sabendo que não teria Jailson, Luan, Dudu e Moisés, suspensos, no clássico, Roger escalou o Palmeiras com Weverton; Marcos Rocha, Antônio Carlos, Edu Dracena e Diogo Barbosa; Felipe Melo e Bruno Henrique; Gustavo Scarpa, Lucas Lima e Hyoran; Willian.

Curiosamente, apesar da expressiva goleada sobre os costarriquenhos, dos três amistosos disputados pelo Verdão em sua excursão, este foi o mais interessante do ponto de vista técnico-tático e o único que impôs alguma dificuldade aos palestrinos, que chegaram a levar duas bolas na trave. De qualquer forma, a competividade destes duelos não eram o foco principal do Alviverde.

“O nível de competitividade nós já temos de 40 jogos na temporada, o que nós queremos é manter o time ativo do ponto de vista técnico e tático, com acréscimo de parte física. Pelo clima, pegamos campos muito pesados e isso exige mais do físico, é muito bom. Balanço extremamente positivo”, completou.

 

Gazeta Esportiva