The current Bet365 opening offer for new customers is market-leading bet365 mobile app You can get a free bet right now when you open an account.

De olho na Série D, Sete retorna aos treinos com base reforçada

De olho na Série D, Sete retorna aos treinos com base reforçada

O elenco do Sete de Dourados voltou essa semana aos treinos após a participação no Campeonato Estadual. Os jogadores tiveram cerca de uma semana de folga após a derrota para o Operário que deixou o time na quarta posição.

O tempo foi necessário para remontar o grupo, agora reforçado para a disputa da Série D do Campeonato Brasileiro. Dos que já estavam no clube, 19 jogadores voltaram aos treinos e a eles se juntam novos atletas.

Nos treinos desta quarta-feira no CT e quinta no Estádio Douradão, estavam presentes os goleiros Wendell e Alan Tobias, os laterais Bahia e Breno, os zagueiros Juan, Binho, Huliel, Márcio Santos e Neto, o volante Primo, os meias Pavão e Bruninho e os atacantes Mitú, Daniel, Sadan, Pablo, Leandrinho, Léo Souza e Lucas.

Na lista ainda deveriam estar o lateral Jô e o meia Thiago Mattos mas, contundidos, dificilmente terão condições de jogar o Brasileiro.

Novidades

Entre os novos contratados, três já haviam sido anunciados. O lateral Léo Felix, o volante Peu e o meia Leandro Branco, todos vindos do Águia Negra. Já treinam também o zagueiro e lateral Anderson Peixe, vindo do Treze-PB, o lateral ambidestro Rodrigo Cacimba, que estava no Prudentópolis-PR, e os atacantes Damião, que já defendeu o Guarani-CE e o Iporá-GO, e Tutinha, campeão pelo Itaporã com o técnico Nei César em 2015.

Nesta quinta, em entrevista à Rádio Grande FM, o gestor do Sete, Tony Montalvão, falou em outros nomes, além dos que já estão treinando. Um deles é o volante Fábio Buru, outro que defendeu o Itaporã e disputou o Campeonato Catarinense pelo Almirante Barroso. O mais esperado, porém, é o veterano atacante Acosta, ex-Corinthians, que disputou a Série A3 do Campeonato Paulista pelo Taboão da Serra. "Esses jogadores chegam no sábado", afirmou o dirigente.

Apesar de ainda estar com dificuldade em captar recursos para disputar o Brasileiro, Tony fala com otimismo do grupo que está sendo montado. "Devemos muito ao time do ano passado, que nos colocou na Copa do Brasil e na Série D, mas acredito que podemos montar um elenco mais forte, apesar das dificuldades", disse.

Na Série D do Brasileiro, o Sete está no Grupo A11, junto com a Aparecidense-GO, Luziânia-DF e União Rondonópolis-MT. A estreia será contra esse último, dia 21, às 18h, no Estádio Luthero Lopes. No Estádio Douradão, o primeiro jogo será no dia 28, contra o time goiano.

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Fonte: DouradosNews