Dourados-MS,
 Camara municipal

Deitada, Beth Carvalho enfrenta os problemas de saúde ao som de clássicos do samba

Beth Carvalho faz show deitada ao lado do grupo Fundo de Quintal - Bernardo Araujo

Personalidade
Fonte
  • Extra-Pequena Pequena Media Grande Extra-Grande
  • Padrão Helvetica Segoe Georgia Times

O encontro de Beth Carvalho com o grupo Fundo de Quintal, realizado na noite deste sábado em uma casa de shows na Barra da Tijuca, ganhou um elemento dramático a mais: além da celebração do disco “De pé no chão”, de 1978, um marco na história do samba moderno, o público viu a cantora de 72 anos se apresentar deitada, devido a problemas de coluna que a assolam há anos. A filha de Beth, Luana Carvalho, já havia dito nas redes sociais que a mãe cantaria deitada em um divã.

O show começou com 30 minutos de atraso, ao som de “Marcando bobeira”, com a cantora sentada, cercada pelos músicos do Fundo de Quintal, como Bira Presidente, Sereno e Ubirany.

— Estou muito feliz por estar aqui comemorando os 40 anos deste disco - disse Beth ao cumprimentar o público. — Mas eu não posso ficar muito tempo sentada, então pedi à produção para trazer esta chaise longue. Assim como existe “Na cama com Madonna”, agora tem “Na cama com Beth Carvalho”.

 

Ouvindo aplausos e saudações como “guerreira!” e “poderosa!”, ela se deitou, sem drama, e deu continuidade ao show, ao som de “Ô, Isaura” e “Goiabada Cascão”. Recostada em almofadas douradas, apresentou as músicas, lembrando histórias de sambistas como Monarco e Sérgio Cabral (pai), e comandou a noite com a competência de sempre.

 

Oglobo